ads

Slider[Style1]

tecnologia

Jogos

Música

Cinema

Android

eventos

O ex-servidor Wikileaks. Foto: Bahnhof
Após 10 dias e 93 lances, um servidor usado para hospedar documentos secretos do Wikileaks foi vendido no eBay . Até ai tudo certo, quem que não desejaria botar as mãos em algo do tipo?! Principalmente amantes de teoria da conspiração e afins, só que esse leilão teve um desfeicho um tanto quanto inusitado, o comprador foi um garoto de 17 anos, que usou a conta e o cartão de seu pai, sem sua permissão.

A empresa sueca Bahnhof ISP, que havia hospedado o Wikileaks por cerca de oito meses, em 2010, decidiu vender o servidor, na semana passada , na esperança de arrecadar dinheiro para duas instituições de caridade: Reporters Without Borders e a  5th of July Foundation.

O lance vencedor foi de US$33.000. Mas de acordo com CEO da Bahnhof, John Karlung, logo após o leilão ser fechado na manhã de ontem (12), ele recebeu uma mensagem do comprador, dizendo que ele gostaria de desistir do negócio pois seu filho havia comprado o item sem o seu conhecimento ou permissão.

De acordo com registros do eBay, o adolescente inicialmente deu um lance de US$10.200 para o servidor, que logo foi superado, então foi onde esquentou as coisas por lá, até que o rapaz superou à todos e o arrematou.

O Bahnhof sabia que usando o nome do Wikikeaks iria conseguir atrair a atenção de admiradores e entusiastas, e foi isso que aconteceu. O Dell PowerEdge R410 que hospedou parte do Wikileaks. Claro que ele foi zerado e resetado. O preço inicial era de US$ 3.150,00 mas logo foi superado por um de US$ 4 mil, e dai pra frente só cresceu.

Wikileaks - que não estava na fila para se beneficiar do leilão - não gostou nem um pouco da venda, e afirmou que Bahnhof  não teria o direito de fazer o que fez, pois nem sequer pediram autorização.
O servidor foi um dos vários usado para hospedar logs da Guerra do Iraque, mas nunca foi um servidor primário, afirma o Wikileaks.

Nós não apoiamos Bahnhof explorando a privacidade e bom nome dos seus clientes para fins de marketing.


Karlung não quis informar a identidade do comprador, dizendo que ele queria preservar sua privacidade. Mas divulgou as mensagens que ele enviou a Karlung depois que seu filho ganhou o leilão.

"Meu filho tem 17 anos e é louca por teoria da conspiração", escreve o pai do garoto ao Karlung.

O pai do rapaz informou em uma breve conversa via e-mail ao site Wired que ficou "sem palavras" quando soube sobre a compra de seu filho. Mas eles (o pai do jovem e Karlung) não tiveram tempo para falar ainda. "A conversa mais séria será amanhã", disse ele.

A pessoa que deu o lance anterior agora terá a chance de possuir esse item tão cobiçado, por US$32,900 desde que o seu lance seja legítimo.



Fonte: Wired

POSTADO POR - Guilherme J Cabral

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

COMENTE


Topo