ads

Slider[Style1]

tecnologia

Jogos

Música

Cinema

Android

eventos



A cidade de Londres ganhou destaque nesta semana graças a um fenômeno moderno único: o novo arranha-céu da cidade reflete o sol de tal forma que se torna um “raio mortal” que pode iniciar incêndios e fritar ovos. Agora, o arquiteto do edifício se explicou: “Cometemos muitos erros com esse projeto, e vamos cuidar deles.”

Não é o primeiro caso de uma falha desse nível, mas é o segundo de Rafael Viñoly. O arquiteto uruguaio que vive em Nova York projetou o Vdara Hotel em Las Vegas, que abriu em 2010 com o mesmo tipo de força.

Em uma entrevista ao The Guardian, Viñoly expressou uma atitude comicamente e perigosamente irreverente para a sua falha. Mas ele é – e sempre foi, aparentemente – consciente dos problemas.

Nas palavras de Viñoly:

“Eu sabia que isso ia acontecer”, disse Viñoly ao Guardian. “Mas existe uma falta de ferramentas ou softwares que podem ser usados para analisar o problema precisamente.”

“Quando detectamos na segunda versão do design, julgamos que a temperatura seria de cerca de 36 graus”, ele explicou. “Mas ela foi de mais de 72 graus. Estão chamando de ‘raio mortal’, porque se você passar por lá pode morrer. Essa coisa é fenomenal.”

(sobre o Vdara) “Foi um problema completamente diferente”, explicou, insistindo que ele seguiu um plano específico para torres no formato de arco. “Nós percebemos que poderia ser um problema também, mas quem liga se você fritar alguém em Las Vegas, certo?”

“Quando vim para Londres pela primeira vez, não era assim”, ele disse. “Agora temos todos esses dias ensolarados. Então você devia culpar o aquecimento global por isso também, certo?”
De acordo com o Guardian, Viñoli tem projetos em andamento para uma estrutura no formato de uma tigela para ser construída na China, que intencionalmente concentra e aproveita a energia de cima.



Fonte: Gizmodo

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

COMENTE


Topo