ads

Slider[Style1]

tecnologia

Jogos

Música

Cinema

Android

eventos


Battlefield 4 está agora em Beta, e uma coisa ficou imediatamente clara para muitos jogadores de PC ao testá-lo... Bem, para ser justo, são duas coisas: a primeira é os problemas de desempenho habituais que estão sempre presentes em jogos Betas, e que esperamos que vai desaparecer em breve. O segundo elemento é que os gráficos do jogo são os mais adaptáveis na história dos jogos.

Normalmente os jogos de PC têm um determinado intervalo entre os quais as imagens podem ser mexidas, e que normalmente são bem grandes, mas não grande o suficiente para deixá-lo jogar o jogo em PCs com configurações muita abaixo dos requisitos mínimos.


Com Battlefield 4 este não é o caso. Entre o leque habitual de opções inclui uma nova opção chamada "Escala de Resolução". Essa opção é uma completa virada no desenvolvimento do jogo, e permite que você ajuste a resolução do jogo, a fim de fazer o jogo correr mais rápido (em PCs mais lentos) via downsampling ou para aumentar a fidelidade visual progressivamente se ,você tem algum equipamento robusto, por supersampling, sem alterar a resolução da tela final.

O intervalo permitido é entre 25% e 200%, o que significa que você pode forçar sua placa de vídeo para renderizar a imagem em uma resolução tão baixa como 256×192 pixels, ou tão alta quanto um 4K completo (3840×2160).

O resultado é que, enquanto você tem bastante espaço para aumentar o visual do jogo para níveis quase loucos, você também pode diminuir a ponto do computador do milhão.


As imagens que você pode ver neste post foram tiradas em duas configurações extremas. A primeira é em 1920×1080, com configurações no máximo e resolução de 170% supersampling, o que significa que o jogo foi internamente processado em 3264×1836 e, em seguida, apertou de volta na tela de resolução Full HD.

O segundo cenário é 1024×768, com todas as opções gráficas em sua configuração mais baixa e 25% de resolução downsampling, ou seja, uma prestação interna de 256×192 pixels esticado para trás até encaixar. Parece feio, é claro, mas adivinhem? Ele corre em framerates muito aceitáveis ​​(sempre mais de 25 fps) em um laptop equipado com um processador Intel Core i3 2266 Mhz e uma Mobility Radeon 5145, por exemplo, que normalmente é insuficiente para qualquer necessidade de jogos.


Sabe qual a melhor coisa? Ficamos sabendo que a Electronic Arts está planejando implementar a mesma opção para mais jogos baseados na Engine Frostbite 3, para que possamos encontrá-lo em outros jogos como Dragon Age: Inquisition ou o novo Mirror's Edge.

Confira um vídeo de Battlefield 4 ("Tetris Edition") rodando em 256x192.

POSTADO POR - MrBrunoSantos

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

COMENTE


Topo